HOME ESPAÇO UDDIYANA AULAS HORÁRIOS MENSALIDADES
HOME
ESPAÇO UDDIYANA
AULAS
HORÁRIOS
MENSALIDADES
CONTATO
TEXTOS E POEMAS
SOBRE YOGA
MEDITAÇÃO
YOGA KURUNTHA
GESTANTES
BLOG DO UDDIYANA
AULA AVULSA
AULA EXPERIMENTAL
FOTOS
VÍDEOS
NO MEIO DO DIA
PROJETOS QUE APOIAMOS
TERAPEUTAS QUE INDICAMOS
AlLUGO APARTAMENTO TIJUCA


Permacultura Urbana no Morro da Providência - RJ  

        

Quanto mais praticamos Yoga , mais conscientes ficamos de que vivemos em relação com o mundo e somos responsáveis pelo seu bem, assim como somos responsáveis pelo bem que queremos para nós. "Autoconhecer-se", para o yoga, é mergulhar na consciência da Unidade de todos os seres, de todas as realidades. Isso nos torna responsáveis por cuidar de tudo - de qualquer ser vivo ao nosso redor, da natureza, da cultura, da cidade, da sociedade - como cuidamos de nós mesmos. Percebemos que está tudo junto.

Por isso, apoiamos projetos como o Epicentral, que se dedica à permacultura Urbana. - uma casa de vivência e aprendizagem em permacultura urbana no Morro da Providência, zona portuária do Rio de Janeiro.

Permacultura são princípios e práticas de sustentabilidade ambiental, social e econômica. Práticas de permacultura podem trazer grandes benefícios para as comunidades do Rio de Janeiro. Hortas em espaços pequenos, telhados verdes, captação da água da chuva, bioconstrução são exemplos de soluções simples, baratas e altamente escaláveis que podem ser desenvolvidas junto a comunidade local. à frente deste incrível projeto está a querida amiga e aluna do Uddiyana Isabel de Meiroz Dias, e seu esposo, Barney. Conheça o projeto e contribua, clicando no vídeo abaixo:

https://benfeitoria.com/permaculturaurbana

Contato com Isabel de Meiroz Dias:

https://www.facebook.com/meiroz?ref=ts&fref=ts



Dança Popular Brasileira: Maracatu no Tambores de Olokun

                            

Quanto mais praticamos Yoga, equilibrando corpo, mente e espírito, mais nos sentimos plenos e desejamos viver a vida com VIDA, plena e abundante. Adquirimos ou aprofundamos a consciência de que podemos experimentar o mundo com alegria, criatividade, prazer, através de diversas formas de expressão humana, como, por exemplo, as artes.

Por isso, recomendamos projetos como a Oficina de Dança Tambores de Olokun, da bailarina Juliana Sotero, que propõe abordar os passos característicos do maracatu, por meio de diferentes dinâmicas de dança, numa construção de caminhos de movimentos dentro desse ritmo, partindo sempre da consciência corporal. Além disso, para a melhor compreensão do maracatu, a oficina engloba conhecimentos teóricos sobre esse universo para que o aluno possa se aprofundar, conhecendo a história dessa rica manifestação da cultura popular pernambucana.

Juliana Sotero é bailarina formada pela Escola e Faculdade de Dança Angel Vianna. O seu primeiro contato com o maracatu foi na escola CEAT, onde foi envolvida pelo universo das manifestações populares. Ao longo de sua trajetória, vem buscando o aprofundamento de seu aprendizado. Atualmente, cursa Dança na Universidade Federal do Rio de Janeiro e Psicologia na Pontifícia Universidade Católica, além de integrar e liderar o grupo de dança do Tambores de Olokun.

Para maiores informações: tamboresdeolokun.dança@gmail.com (à Juliana Sotero)

        

Apresentação do Tambores de Olokun no Aterro do Flamengo – janeiro/2016:

https://www.youtube.com/watch?v=WWZriQR0JRc

Site Map